domingo, 6 de julho de 2014

O inferno e o céu coletivo





Mestre e discípulo foram até uma região onde havia fartura de arroz, mas os habitantes daquele lugar possuíam talas em seus braços, o que os impedia de levarem o alimento à própria boca. No meio daquela fartura, passavam fome e eram fracos e subnutridos!
– Veja! – Disse o Mestre – Isto é o inferno coletivo.
Em seguida, levou o Discípulo para uma região próxima e mostrou que também havia fartura de arroz e as pessoas também tinham os braços atados a talas, todavia eram todas saudáveis e bem nutridas, pois uma levava o arroz à boca do outro, em um processo de interdependência e cooperação mútua.
– E isto é o Céu coletivo.

Nenhum comentário: