quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

ALGUÉM DUVIDA?

Alguém duvida que o Corinthians decidiu o campeonato?

Antes das críticas gostaria de afirmar que não torço para nenhum dos times acima. Entretanto, após o final do Campeonato Brasileiro deste ano (2009) fiquei com mais uma dúvida (dentre tantas que já tenho):

Será que se o Corinthians pudesse prever que o Internacional seria o campeão no lugar do São Paulo teria deixado o Flamengo vencer daquele jeito? Afinal, se por um lado eles prejudicaram o São Paulo (um dos seus maiores rivais nos torneios estaduais) por outro deixaram um outro rival (no rankin de torcidas) tornar-se campeão. Ante as duas disputas em questão será que fizeram a escolha certa?

RANKING DAS MAIORES TORCIDAS DO BRASIL:

POR REGIOES: SÃO PAULO:


Corinthians: 32,9%
São Paulo: 25,6%
Palmeiras: 15,3%
Santos: 14,5%

RANKING GERAL:

Flamengo: 15,34%
Corinthians: 14,83%
São Paulo: 11,89%

CLASSIFICAÇÃO DO CAMPEONATO BRASILEIRO 2009



PIRATARIA: A GUERRA NA CONTRAMÃO

Embora acredite que inúmeras bandas medíocres devam toda sua fama a esse tipo de comércio, eu não sou contra nem a favor da pirataria – muito pelo contrário. No entanto, Independente das questões legais – até porque a lei é algo tão subjetivo quanto indefinido no Brasil – algumas brigas são difíceis de compreender:

Por que ao invés dos artistas mais prejudicados se voltarem contra os PERIGOSOS CRIMINOSOS DA PIRATARIA, eles não se unem contra as poderosas indústrias de eletroeletrônicos? Afinal, se a SONY, a LG, a SAMSUNG, a PHILIPS, a TOSHIBA e tantas outras MEGAS INDÚSTRIAS, não produzissem aparelhos cada vez mais sofisticados, capazes de reproduzirem CDs e DVDs piratas não existiria motivo algum para tantos protestos.

Todavia, talvez seja mesmo mais prático lutar contra os mais fracos ao revés de combater A VERDADEIRA ORIGEM DISSO TUDO, Já que, contrariando a lógica (se é que existe alguma) a maioria dessas indústrias também patrocinam boa parte dos artistas revoltados.

quinta-feira, 10 de setembro de 2009

SALVADOR X COPA DO MUNDO


QUANDO O INTERRESSE POLÍTICO PASSA PELA ESTUPIDEZ, ULTRAPASSA O BOM SENSO E ZOMBA DE NÓS
Que o baiano é aficionado por futebol e merece sediar uma copa do mundo ninguém discorda, mas, afora a vontade, será que temos as devidas estruturas para isso? E antes que alguém responda, eu mesmo asseguro: NÃO! Infelizmente nós não temos!

Ainda que o nosso ILUSTRÍSSIMO GOVERNADOR INVISÍVEL coloque isso como uma conquista pessoal, ainda que o nosso SOBREDOTADO PREFEITO tenha a incrível capacidade de construir praças, viadutos, empregar todos os parentes e encher a cidade de postes em 24 HORAS antes das eleições (um Record mundial), NÓS não temos estrutura alguma para sediar uma copa do mundo, e ontem isso ficou muito claro...

Como justificar um jogo de eliminatórias, com a seleção brasileira já classificada e com pouco mais de trinta mil pagantes presentes PARALISAREM TODA A CIDADE?

Aos que não foram, os engarrafamentos inexplicáveis, o medo de não ser vítima da onda de violência que se instalou na cidade nos últimos dias e a incerteza se daria tempo de assistir pela televisão. Aos que foram (E PAGARAM CARO PARA ISSO), o engarrafamento ainda mais inexplicável até o estádio de Pituaçu, a efêmera alegria pela vitória do Brasil, a conturbada volta pra casa após o jogo e os novos engarrafamentos durante a madrugada nos dois ou três restaurantes que continuavam abertos.

Numa terra SEM PREFEITO, SEM GOVERNADOR SEM SEGURANÇA E SEM PROJETOS. Na única cidade do mundo, em que as estruturas de um pequeno METRÔ IRÃO SER REFORMADAS ANTES MESMO DA SUA INAUGURAÇÃO (prevista para 1988) é mesmo possível sediar uma copa do mundo?

segunda-feira, 24 de agosto de 2009

Parabéns Raulzito

Na semana passada, no dia 21 de agosto completou 20 anos da morte do incomparável prodigioso Maluco Beleza. Talvez, se Raulzito não fosse tão espontâneo, controlasse as suas opiniões e fosse mais político entre os artistas, seria tão homenageado como deveria. Entretanto, se ele burlasse a sua ideologia, mudasse o seu figurino e remodelasse a sua postura, perderia a sua excêntrica essência; normalmente no Brasil, falar o que pensa pode ser muito arriscado.

Permeio as suas incontáveis citações musicadas, uma dela, atualmente, parece fazer bastante sentido: “É pena não ser burro, não sofria tanto!”. Ele tinha plena razão: a ignorância e a alienação são ótimos remédios ante a tantos absurdos.



“SOU O QUE SOU
PORQUE VIVO DA MINHA MANEIRA...
VOCÊ PROCURANDO RESPOSTAS OLHANDO PRO ESPAÇO,
E EU TÃO OCUPADO VIVENDO...
EU NÃO ME PERGUNTO,
EU FAÇO!”
***
“A ARTE DE SER LOUCO É JAMAIS COMETER A LOUCURA DE SER UM SUJEITO NORMAL”.
***
“QUERO DIZER AGORA O OPOSTO DO QUE EU DISSE ANTES EU PREFIRO SER ESSA METAMORFOSE AMBULANTE DO QUE TER AQUELA VELHA OPINIÃO FORMADA SOBRE TUDO...”
***
“QUERER O MEU
NÃO É ROUBAR O SEU
POIS O QUE EU QUERO
É SÓ FUNÇÃO DE EU”.
***
“NÃO DIGA QUE A VITÓRIA ESTÁ PERDIDA.
TENHA FÉ EM DEUS, TENHA FÉ NA VIDA.
TENTE OUTRA VEZ!”
***
“ANTES DE LER O LIVRO QUE O GURU LHE DEU, VOCÊ TEM QUE ESCREVER O SEU”.
***
“O SONHO DO CARETA É A REALIDADE DO MALUCO”.
***
“PARE O MUNDO QUE EU QUERO DESCER...”
***
“A DESOBEDIÊNCIA É UMA VIRTUDE NECESSÁRIA À CRIATIVIDADE”.
***
“DEUS TEM MAIS DE MIL NOMES: DINHEIRO, ÍDOLOS, GURUS, CARRO, CIGARRO, DROGAS, O SALVADOR, LIVROS, DESEJOS INSATISFEITOS, SEXO NEURÓTICO, STATUS, SONHOS, MULETAS, CASA, HOBBIES, CINEMA, TV, RÁDIO E A PERGUNTA POR QUÊ?”

O ROUBO DA FÉ

Nem mesmo os escribas mais marketeiros que participaram da minuciosa criação do livro sagrado poderiam imaginar que um dia a fé renderia tanto dinheiro assim.

AFINAL, SE QUANDO A ESMOLA É DEMAIS O SANTO DESCONFIA, O FIEL PAGA O DÍZIMO ENQUANTO O SORRIDENTE BISPO AGRADECE.

“Pois eu transformo Água em Vinho, Chão em Céu, Pau em Pedra, Cuspe em Mel, Pra mim não existe impossível...Pastor João e a igreja invisível”
Raul seixas

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

40 anos da conquista espacial: CELEBRAR O QUÊ?

A PRIMEIRA GUERRA FRIA foi a designação atribuída ao período de conflitos indiretos entre os Estados Unidos e a União Soviética. Denominou-se "FRIA" porque não houve uma guerra direta entre as duas superpotências e persisitiu por cerca de 46 anos: entre o final da Segunda Guerra Mundial em 1945 e a extinção da União Soviética em 1991. A NOVA GUERRA FRIA, entretanto, ocorre de forma mais silenciosa e, embora também não exista um conflito direto entre as 4 nações envolvidas mostra-se com mais requintes de frialdade e com a confissão explícita do egocentrismo humano: enquanto os engenheiros da NASA estão trabalhando para levar o homem à Lua em 2020, enquanto a RÚSSIA investe para conhecer MARTE e enquanto a CHINA corre contra o tempo para mandar o homem de volta à Lua antes dos americanos, 8 crianças morrem A CADA SEGUNDO na ÁFRICA.

E nesse novo duelo de vaidade – enaltecido pela mídia através do eufemismo “CORRIDA ESPACIAL” – os Estados Unidos investem mais de US$ 28 bilhões no Programa Constellation, o governo da Rússia pretende gastar US$ 10,5 bilhões para conquistar Marte, e os taikonautas chineses contam com cerca de US$ 14 bilhões para o programa espacial “Chang’e”, enquanto 4,4 milhões de crianças morrem por ano em toda África. 14 mil delas morrem por dia na África subsaariana (vítimas de malária, diarréia, pneumonia, HIV e desnutrição). Um entre seis recém-nascidos, sequer vão saber quem pisou novamente na lua: irão morrer antes dos cinco anos de vida.

Mesmo depois de 40 anos da missão APOLLO 11 pousar na superfície lunar em 20 de Julho de 1969, em um local chamado "Sea of Tranquility" e Neil Armstrong e Edwin Aldrin tornaram-se os primeiros homens a caminhar no solo lunar, os homens continuam com suas cabeças voltadas para mundos mais distantes. Ao passo em que a Lua está localizada, aproximadamente, a 384.405 km do nosso planeta, e a distância média de Marte é de 230 milhões de km da Terra, a África parece ficar cada vez mais longe.

segunda-feira, 3 de agosto de 2009

O choro da prata de MICHAEL PHELPS


Tão confiantemente cego quanto o general da Força Aérea dos EUA, Curtis LeMay antes da guerra do Vietnã, o soberano irmão mais novo de ALF (acrônimo da expressão Alien Life Form, "forma de vida alienígena"), também esqueceu dos adversários que enfrentaria no Mundial de Esportes Aquático realizado em Roma.
Depois de quatro anos sem perder nenhuma final, de já ter batido trinta e quatro recordes mundiais, de ter conquistado o maior número de medalhas de ouro em uma única olimpíada (oito) e de ter sido flagrado fumando o maior baseado do mundo, o imperante norte-americano MICHAEL PHELPS foi trapaceado pela sua certeza e superado pelo alemão Paul Biedermann, nos 200m Livres.
Inconformado, porém, demonstrando a boa e velha HUMILDADE NORTE-AMERICANA afirmou que o SUPERMAIÔ foi decisivo em seu revés: “SERÁ MAIS BACANA QUANDO A NATAÇÃO VOLTAR A SER APENAS NATAÇÃO” – queixou-se logo após a derrota.
Ainda que a sua conduta antidesportiva e chorosa possa ser compreensível – afinal, para quem pensou que disputaria sozinho ter perdido para um MAIÔ deve ser mesmo frustrante – uma pergunta é inevitável: por que durante as três olimpíadas que disputou ou durante todos os torneios mundiais que ganhou vestindo o seu super mega macacão LZR-RACER, PHELPS nunca reclamou de nada?

SE ERRAR É HUMANO...


SE ERRAR É HUMANO POR QUE NÃO BEATIFICAMOS AQUELES QUE ABUSAM DESSE TALENTO?
MANGABEIRA UNGER, ministro-chefe da Secretaria de Assuntos Estratégicos do Governo, e GUIDO MANTEGA, ministro da Fazenda, passaram por uma mutação genética no programa "Mais Você" e, de repente, viraram uma criatura só: O SENHOR "MANTEGA UNGER" - chamou-o, Ana Maria no começo da entrevista. No mesmo episódio, a atriz Christiane Torloni era a convidada do programa e estava lá para falar sobre um projeto contra o desmatamento da Amazônia. A vergonha alheia ficou latente, Torloni abaixou a cabeça e pegou uma xícara de café enquanto Louro José - seu fiel escudeiro - chamou a próxima matéria. "O que vem agora?"
Ana Maria abriu sua safra trocando uma das maiores florestas do planeta de lugar. No dia da estréia do cenário novo do "Mais Você", em 13 de abril, colocou a FLORESTA AMAZÔNICA, que fica na região norte do País, em Jacarepaguá, no Rio de Janeiro. "Olha só essa vista que eu tenho da Floresta Amazônica por aqui!", exclamou, toda faceira. E logo surgiu ele, Louro José: "Não Ana, ao fundo temos a Mata Atlântica".
A atriz Flávia Alessandra, também foi outra a usar saias mais do que justas na frente da apresentadora. Ao falar com a atriz sobre casamento, Ana Maria perguntou há quantos anos ela estava casada com o ator Otaviano Costa. Flávia respondeu que estavam juntos há três anos. Muito bem até aí. Mas, só até aí: "Vocês são dois artistas que estão há mais tempo juntos, né? A Giulia (filha da atriz) tem oito, ou nove anos?" - questionou Ana sem saber que Giulia é filha de Flávia com o ator Marcos Paulo, e não com Otaviano Costa.
Ao levar ao seu programa dois comentaristas esportivos, Paulo Cesar Vasconcellos e José Roberto Wright, para discutir o contrato publicitário firmado entre o jogador Ronaldo e o SBT, Ana Maria saiu cheia de explicações, passou a falar de Seleção Brasileira, e o caminho começou a ficar tortuoso. E aqui, ao menos, ela não arriscou ao demonstrar seu vasto conhecimento: "Então, o Ronaldo não está preparado agora para a Copa? Por sorte, o papagaio (muito mais competente) logo a corrigiu: "A Copa é só ano que vem. Esse ano é a convocação." Ainda sobre os possíveis convocados à Copa do Mundo da África do Sul, ela arriscou um palpite: "Mas então, quem tem chance? Esse menino do Atlético, o NILMAR, vai?". "Ana, ele é do Internacional de Porto Alegre" - retificou Louro José.
Já no dia de Zumbi dos Palmares - quando se comemora o Dia da Consciência Negra - Ana Maria Braga deu uma aula de conhecimentos gerais: informou aos telespectadores que Zumbi tinha falecido em 1965: "Pasmem, em 1965!". Mas, lá estava ele, o Louro José para, novamente, salvar tudo: "Calma Ana, ele morreu em 1695." APENAS 270 ANOS DE DIFERENÇA.
Recentemente, ao falar da contratação do craque Kaká pelo Real Madrid, da Espanha, Ana Maria elogiou o craque e comentou sobre o carinho recebido pelo jogador no novo país em que estará jogando, A ITÁLIA. Percebendo o erro da apresentadora, o fiel escudeiro de Ana Maria, logo a corrigiu dizendo que não era na Itália, e sim na ESPANHA.
E ainda tem gente que diz que PAPAGAIO não é inteligente!
Fonte:
Agência Estado
ASSISTAM OUTRAS GAFES EM:

E os leitores que se FFF...


Preocupados em rebuscar uma matéria sobre um exilado chinês que havia virado escritor, os redatores do jornal capixaba, A GAZETA retiraram, CUIDADOSAMENTE, alguns caracteres orientais que, no mínimo, julgaram bem bonitinhos. Entretanto, alguns versados leitores, logo notaram aquilo que – de maneira alguma – deveria passar batido pelos jornalistas: os belos caracteres, além de não terem etimologia chinesa, representavam apenas uma versão estilizada da famosa frase, VÁ SE FODER!

Fonte:
Fausto Salvadori

sexta-feira, 31 de julho de 2009

Hemorróida no Senado


Além de serem nordestinos, pertencerem ao mesmo partido EM CIMA DO MURO e usarem sempre o seriíssimo semblante “PEIDEI E NÃO SEI QUEM FUI!”, os dois digníssimos roedores acima (disfarçados de cães) possuem mais uma incrível característica semelhante: depois de ocuparem o mesmo cargo político, desenvolveram também, uma espécie crônica de ÍMÃ HEMORROIDAL. Agora, sempre que sentam a bunda em alguma ferromagnética cadeira azul, não conseguem, não querem e nem se mexem mais para sair de lá.
Embora alguns renomados infectologistas afirmem que esse tipo incurável de hemorróida seja transmissível (sendo assim, as nádegas aquecidas de Renan teriam contaminado as de Sarney) vendo uma foto do senado antes deles serem empossados não resta dúvidas: sendo transmitida ou adquirida, os dois já demonstravam uma conduta atípica diante das cadeiras.



quinta-feira, 30 de julho de 2009

Sonegação de Impostos: crime ou legítima defesa?



Numa análise feita pelo IBPT (Instituto Brasileiro de Planejamento Tributário), o Brasil apresenta a terceira maior carga tributária do mundo, ficando atrás somente de França e Itália. De acordo com o IBPT, as empresas brasileiras, pagam em média 34% de seu faturamento em impostos, enquanto o contribuinte trabalha em média, 157 DIAS POR ANO (MAIS DE CINCO MESES) SÓ PARA PAGAR IMPOSTOS.
Diante desses assaltos estatísticos e valendo-se do PARÁGRAFO ÚNICO presente no artigo 25 do nosso CÓDIGO PENAL, a sonegação de Imposto de Renda pelo assalariado brasileiro não seria uma espécie de LEGÍTIMA DEFESA?

Art. 25 - Entende-se em legítima defesa quem, usando moderadamente dos meios necessários, repele injusta agressão, atual ou iminente, a direito seu ou de outrem.


O ato de LEGÍTIMA DEFESA se origina, de forma natural no âmago do ser humano nos mais distantes primórdios dos tempos. Até porque a defesa do ser humano e de seus bens, um deles dos mais caros que é sua própria vida, independe de um poder civilizatório e de uma estruturação social, é quase puramente instintivo.



sexta-feira, 24 de julho de 2009

Os 4 trapalhões


A genética é mesmo extraordinária: além da incrível semelhança física, os irmãos TIRIRICA e MARCELO GUIMARÃES, juntamente com os seus filhos, TIRULIPA e MARCELINHO, também herdaram o dom humorístico. Entretanto, os que optaram pela carreira artística na televisão fazem humor de forma jocosa e irreverente, enquanto os que preferiram dirigir o ESPORTE CLUBE BAHIA fazem comédia dramática.

A REFORMA ORTOGRÁFICA FOI TÃO BRUSCA ASSIM ?



Ao acessar o link de Informações Tecnológicas ( http://www.abnt.org.br/default.asp?resolucao=1024X768 ) no site da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) deparei-me embasbacado com o seguinte aviso:
"Horário de Atendimento: De Segunda-Feira á Sexta-Feira das 08:30 às 17:00".
Desolado por não encontrar as informações que procurava, diante dessa inesperada advertência, fiquei ainda mais repleto de incertezas: a ABNT, valendo-se da sua autoridade de cambiar as normas teria mudado o português tão repentinamente assim, ou as minhas antigas professoras de português, redação e gramática ensinaram-me erroneamente?
Afinal, depois dos famosos dois pontos – afora precedidos por nomes próprios –, não seria mais apropriado começar a frase com letra minúscula, ou essa regra também já foi abolida? E entre a segunda-feira e a sexta-feira concernente aos dias de atendimento da ABNT o correto seria a vogal com acento indicativo da crase, sem o acento grave ou com o inexplicável acento agudo como foi colocado?
Consciente, entretanto, da dificultosa arte na precisão gráfica, poderíamos simplesmente, relevar insignificantes deslizes; todos aqueles que manuseiam as traiçoeiras armadilhas da língua portuguesa, sempre estarão passivos dos mais variados erros. Todavia, adiante dos diminutos dois erros (em apenas uma linha escrita, é verdade) a Associação Brasileira responsável em organizar as normas técnicas utilizadas na elaboração textual do nosso país, ainda se vale do idioma Inglês para estabelecer indevidamente a representação abreviada de horas? E quanto aos Gramáticos da Língua Pátria, que sempre ensinaram que essa notação seria correta: das 8h 30min às 17h, estariam equivocados, atrasados ou deveriam retornar aos estudos?

A DECADÊNCIA DA LITERATURA NACIONAL


Não partilho de ideologias xenofóbicas, vago longe do radicalismo patriótico e nem sustento alguma espécie de aversão ao novo: compreendo que toda e qualquer manifestação artística tenha a liberdade plena de intercambiar afora das fronteiras linguísticas: permutando-se adiante das variações de gêneros, estilos e dialetos. Contudo, o excesso de importação literária nos últimos anos aponta para um vasto atravancamento na evolução da nossa própria língua: dos 60 títulos de livros mais vendidos no país atualmente – subdivididos em ficção, não-ficção, auto-ajuda e esoterismo – apenas 17 são de autores Brasileiros ( http://veja.abril.com.br/livros_mais_vendidos/).
É lamentável – e igualmente preocupante – transitarmos hoje por diversas livrarias nacionais, e permeio as prateleiras tomadas de Best Sellers importados não encontrarmos mais os nossos grandes autores sendo enaltecidos e prestigiados como os novos “Códigos da Vinci Genéricos”. Se continuarmos aferindo o sucesso estrangeiro, comprando os mesmos livros divulgados no Ranking do New York Times perderemos brevemente o nosso próprio termômetro referencial.

FHC e a lição de moral mal ensinada


“Faremos o possível e o impossível para que saibam falar bem a nossa língua. Queremos brasileiros MELHOR educados, e não liderados por gente que despreza a educação, a começar pela própria”.


Fernando Henrique Cardoso ironizando o presidente Luís Inácio Lula da Silva em um discurso para membros do PSBD. Mesmo sendo aplaudido de pé pelos seus aliados (definição discreta para o termo, puxa-sacos), dias depois (possivelmente orientado por algum verdadeiro gramaticógrafo menos posado) teve que pedir desculpas pelo erro: já que pela norma culta, o correto seria dizer, MAIS BEM EDUCADOS.

Ainda assim, inconformado pela traição de sua própria vaidade, disse, HUMILDEMENTE que não entendia porque não poderia dizer ‘melhor educado’ em vez de ‘mais bem educado’. Contudo, admiro a sua pedante retratação, enquanto aguardarei os mesmos patetas que o aplaudiram, também pedirem desculpas. Afinal, se quem cala consente, quem aplaude – de alguma maneira – aprova.


Grande presepada?

O SIMPATICÍSSIMO presidente da Coréia do Norte, Kim Jong-il irmão mais velho do cantor paraibano Chico Cesar – parece que prefere os potentes sons de bombas e mísseis do que as batidas ritmadas das percussões musicais. E tão imprevisível quanto os perigosos e delicados flatos que precedem uma súbita dor de barriga deixa o mundo inteiro sem saber:
será que ele vai borrar a cueca, será que as suas fezes irão feder muito ou serão apenas presepeiros gases?

As novas Super Poderosas


As meninas super poderosas agora são cinco: além das pioneiras, FLORZINHA, LINDINHA e DOCINHO, entraram também para o grupo as prodigiosas DASLUZETE e BULHÕESZETE.
Enquanto as três primeiras lutam contra o mal e procuram estabelecer a justiça em Townsville, as SUPER SOCIALITES, DASLUZETE E BULHÕESZETE exercem múltiplas atividades perigosas: constantemente, participam de programas educativos, posam para revistas intelectualizadas e viajam para a TWENTY FIVE OF MARCH STREET (a filial da 25 de março nos EUA), onde exercem seus maiores talentos heróicos: compram apetrechos falsificados de grifes famosas por 100 US$, declaram que custou apenas 5 US$ e, de volta ao Brasil (país com vasto mercado para enganar idiotas metido a besta) vendem por 3.000 US$.

Ao passo em que – INJUSTAMENTE – respondem processos de sonegações de impostos e formação de quadrilhas, os seus REFINADOS RECEPTADORES continuam livres para desfilarem, orgulhosamente e com pose, suas roupas, móveis e cara de besta com etiqueta de luxo.